CPF Cancelado: Saiba como regularizar!

Teve o CPF Cancelado e não sabe como resolver? Calma, aqui neste artigo vamos de mostrar como resolver esse problema e porque ele foi cancelado.

As causas de cancelamento podem ser por roubo, perda, a não entrega de declaração de IR, dados incorretos ou até a falta deles.

Publicidade

Se passou por uma dessas situações, saiba que é preciso regularizar sua situação com a Receita Federal.

Vincule seu dispositivo utilizando seu CPF e não perca nenhum benefício.

Saiba como resolver o problema do seu CPF cancelado facilmente seguindo a leitura.

CPF Cancelado: Consulte pela internet GRATUITAMENTE!

Resolva seu CPF Cancelado de forma online, grátis e evitando filas e aglomerações, siga esse procedimento:

Publicidade
  1. Entre no site da Receita Federal
  2. Acesse a aba “Meu CPF”
  3. Aparecerá a opção “Regularizar CPF”, clique nela,
  4. Preencha o formulário com suas informações
  5. Siga as instruções e terá regularizo seu CPF.

No site, também, é possível consultar a condição do cadastro, um fator ideal na verificação de como está o CPF após pedir a regularização.

Não lembra seu número de CPF? Então saiba consultar através do seu PIS.

Outro meio de regularizar o seu CPF é de maneira presencial em uma dessas opções de agências conveniadas:

  • Receita Federal
  • Banco do Brasil
  • Caixa
  • Correios (após pagar uma taxa de R$ 7,00)
  • Instituições Internacionais para estrangeiros.

Ao visitar um desses locais, tenha em mãos um documento de identificação e o CPF.

Os menores de idade devem estar acompanhados de seus respectivos responsáveis durante a regularização.

Saiba se seu CPF está irregular com uma consulta simples.

cpf cancelado

Principais causas de cancelamento e porque regularizar o CPF?

Quando isso acontece, é fundamental se informar a respeito da causa do cancelamento e tomar as medidas necessárias.

Desde 1998, segundo a Receita Federal, mais de 42,3 milhões de CPFs foram cancelados.

Dentre as causas de cancelamento do CPF estão as descritas abaixo:

  • CPF pendente de regularização: Nesse caso, o contribuinte provavelmente deixou de entregar alguma declaração do imposto de renda (IRPF) nos últimos 5 anos
  • Inadequação no cadastro: Nessa situação, pode haver a suspensão do CPF por razão de alguma informação, dado incorreto ou incompleto no cadastro
  • CPF cancelado: Pode ser em caso de perda, roubo de documentos, multiplicidade de cadastros, decisão administrativa ou judicial.

Em casos de roubo, é necessário fazer um boletim de ocorrência, o quanto antes para evitar que criminosos usem seu documento.

Existem muitas utilidades no uso do CPF, pois é o documento mais solicitado nas diversas demandas.

Veja as vantagens de colocar CPF na Nota Fiscal.

Confira um resumo sobre o assunto e entenda os principais pontos do assunto:

  • É possível consultar seu CPF pelo site da Receita Federal
  • Também, pode ser regularizado gratuitamente na agência da Receita Federal, Banco do Brasil, Caixa e instituições estrangeiras conveniadas
  • A solicitação pode ser feita nos Correios pagando uma taxa de R$ 7,00
  • Ao fazer a solicitação é preciso levar seus documentos
  • As principais causas de cancelamento de CPF são roubou, perda, falta de dados, dados desatualizados, falta de entrega de declaração de IRPF ou decisão judicial
  • Sem a regularização do CPF não é possível retirar outros documentos, receber benefícios do governo, participar de concurso público, abrir contas bancárias, pedir empréstimos e muito mais.
  • O CPF regularizado é importante ao votar nas eleições.

Teve problemas com seu documento e acabou perdendo seu CPF? Saiba como recuperá-lo.

Agora você já sabe tudo o que precisa saber sobre o cancelamento de CPF.

Compartilhe essas informações com quem pode precisar delas.

Publicidade