Perdi meu CPF? Saiba AGORA como resolver!

Perdi meu CPF e agora? Neste artigo você vai saber o que fazer em caso de perda e mais detalhes sobre esse assunto. Então siga os tópicos abaixo e boa leitura.

A perda de um CPF vem imediatamente acompanhada da sensação de desgaste e o preparo ao passar pelas burocracias antes mesmo de dar início ao procedimento.

Publicidade

Então, se já pensou em “perdi meu CPF, não tem como resolver” fique tranquilo.

Pois é normal aquela dor de cabeça prévia, especialmente devido tamanha importância do CPF.

Mas, esse não precisa ser um problema tão grande, acompanhe nosso texto.

Como saber o CPF de uma pessoa?

A importância do CPF

Apenas o fato do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ser tão nitidamente indispensável, já dá para ter uma ideia da sua importância. O cidadão brasileiro faz o CPF ainda jovem (a partir dos 12 anos) e ao longo da sua vida, faz uso constante dele. Pois, o mesmo atua como um registro de contribuição de cada um no progresso do país enquanto sociedade. Mas o registro tem um fundamento. A partir dele a Receita Federal pode identificar os contribuintes aos fins de fiscalização de impostos, etc. Também fala muito sobre a sua importância. Cada pessoa possui uma sequência de 11 números únicos de registro no sistema.

Publicidade

A sequência será a mesma enquanto o usuário estiver vivo, sendo imodificável. Outro fator que comprobatório a relevância do CPF é a sua utilidade. Sem o cadastro você fica impossibilitado de abrir conta em banco, acessar essa conta, prestar concurso público ou se matricular em uma universidade. Semelhantemente, você perderá direito a solicitar um crediário ou um cartão de crédito, nem entrar em um edifício comercial. O CPF é um documento de identificação diferente do RG ou da CNH. Portanto, não será aceito em alguns estabelecimentos. Geralmente pedem identificação pela foto, pois sua identificação tem objetivos diferentes.

perdi meu cpf

Perdi meu CPF? Saiba resolver!

Perdi meu CPF? Então, o mais importante agora é procurar as diversas formas de comprovar ser realmente o dono do seu cadastro. De qualquer jeito, ele tem deve ser feito o mais rápido possível a fim de evitar falsificações, fraudes e outros crimes relacionados. Antes de tudo, você deve comparecer imediatamente a uma unidade de atendimento da Receita Federal. Esse é o lugar onde é possível se informar, registrar a perda e apresentar um documento de identificação com foto.

Se acaso perdeu e precisa do número do CPF com urgência, você pode localizar a sequência em outros documentos como cheques, contratos, cadastros bancários e etc. Se há a necessidade de se dirigir até à Receita Federal, não esqueça de marcar um horário com antecedência. Sobretudo, basta entrar em contato com a unidade via e-mail ou telefone. Seja qual for o seu caso, provavelmente o melhor caminho é conseguir uma 2ª via do CPF. Descubra no próximo tópico as etapas para adquirir essa nova via!

Perdi meu CPF? Como solicitar a 2ª via?

Se acaso ainda está sem declarar Imposto de Renda, você só precisa:

  1. Primeiramente, acessar a página oficial da Receita Federal;
  2. Preencher os seus dados nos campos indicados;
  3. Então é só visualizar o comprovante e realizar a impressão do seu cadastro.

Mas, quem já declara o IR precisa acessar o Portal eCAC. Mas isso só é possível com um código de acesso. Se acaso esteja sem possuir um, é preciso:

  1. Acessar a página de geração de código;
  2. Informar todos as suas informações necessárias;
  3. Clique em “Avançar”;
  4. Informar os números dos recibos de entrega das duas últimas declarações de Imposto de Renda;
  5. Criar uma senha;
  6. Clique em “Gerar Código”;
  7. Acesse a página oficial do Portal do eCAC e selecione a opção “Cadastros” e depois a opção “Comprovante de Inscrição do CPF”.

Pronto, de forma rápida e prática você descobre o número do seu CPF e ainda pode realizar a impressão do CPF. Então, sem mais dúvidas a problemas como “Perdi meu CPF”. Curtiu o conteúdo? Navegue em nossa plataforma para mais artigos relacionados.

Publicidade

Faça a vinculação de dispositivo ao CPF no Caixa Tem